ENCONTRO MARCADO    
VÍDEO    PERFIL    BIO    OBRA    EXCERTO    CRÍTICA 
MOACYR SCLIAR

Contos
O carnaval dos animais. Porto Alegre: Movimento, 1968.
A balada do falso Messias. São Paulo: Ática, 1976.
Histórias da terra trêmula. São Paulo: Escrita, 1976.
O anão no televisor. Porto Alegre: Globo, 1979.
Os melhores contos de Moacyr Scliar. São Paulo: Global, 1984.
Dez contos escolhidos. Brasília: Horizonte, 1984.
O olho enigmático. Rio de Janeiro: Guanabara, 1986.
A orelha de Van Gogh. São Paulo, Companhia das Letras, 1995.
Contos reunidos. São Paulo: Companhia das Letras, 1995.
O amante da Madonna. Porto Alegre: Mercado Aberto, 1997.
Os contistas. Rio de Janeiro: Ediouro, 1997.

Romances
A guerra no Bom Fim. Rio de Janeiro: Expressão e Cultura, 1972.
O exército de um homem só. Rio de Janeiro, Expressão e Cultura, 1973.
Os deuses de Raquel. Rio de Janeiro, Expressão e Cultura, 1975.
O ciclo das águas. Porto Alegre: Globo, 1975.
Mês de cães danados. Porto Alegre: L&PM, 1977.
Doutor Miragem. Porto Alegre: L&PM, 1979.
Os voluntários. Porto Alegre: L&PM, 1979.
O centauro no jardim. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1980.
Max e os felinos. Porto Alegre: L&PM, 1981.
A festa no castelo. Porto Alegre, L&PM.
A estranha nação de Rafael Mendes. Porto Alegre: L&MP, 1983.
Cenas da vida minúscula. Porto Alegre: L&PM, 1991.
Sonhos tropicais. São Paulo: Companhia das Letras, 1992.
A majestade do Xingu. São Paulo: Companhia das Letras, 1997

Ficção Juvenil
Cavalos e obeliscos. Porto Alegre: Mercado Aberto, 1981.
Memória de um aprendiz de escritor. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 1984.
No caminho dos sonhos. São Paulo: FTD, 1988.
O tio que flutuava. São Paulo: Ática, 1988.
Os cavalos da República. São Paulo: FTD, 1989.
Pra você eu conto. São Paulo: Atua, 1991l.
Uma história só pra mim. São Paulo: Atual, 1994.
Um sonho no caroço do abacate. São Paulo: Global, 1995.
O Rio Grande farroupilha. São Paulo: Ática, 1995.

Crônicas
A massagista japonesa. Porto Alegre: L&PM, 1984.
Um país chamado infância. Porto Alegre: Sulina, 1989.
Dicionário do viajante insólito. Porto Alegre: L&PM, 1995.
Minha mãe não dorme enquanto eu não chegar. Porto Alegre: L&PM, 1996.

Ensaio
A condição judaica. Porto Alegre: L&PM, 1987.
Do mágico ao social: a trajetória da saúde pública. Porto Alegre: L&PM, 1987.
Cenas médicas. Porto Alegre: Editora da UFRGS, 1988.
Se eu fosse Rotschild. Porto Alegre: L&PM, 1993.
Judaísmo: dispersão e unidade. São Paulo: Ática, 1994.
Oswaldo Cruz. Rio de Janeiro: Relume-Dumará, 1996.
A paixão transformada: história da medicina na literatura. São Paulo: Companhia das Letras, 1996.

Edições no exterior
O centauro no jardim, Le Centaure dans le Jardin, francês, 1985, Presses de la Renaissance.
A estranha nação de Rafael Mendes, L’Étrange Nation de Rafael Mendes, francês, 1986, Presses de la Renaissance.
O carnaval dos animais, Le Carnaval des Animaux, francês, 1987, Presses de la Renaissance.
Max e os felinos, Max et les Chats, francês, 1991, Presses de la Renaissance.
Oswaldo Cruz, Oswaldo Cruz le Magnifique, francês, 1994, Belfond.
A majestade do Xingu, Sa Majesté des Indiens, francês,1998, Albin Michel.
O centauro no jardim. Lisboa: Caminho, 1986.
A orelha de Van Gogh. Lisboa: Pergaminho, 1994.
O centauro no jardim, Der Zentaur in Garten, alemão, 1985: Hamburg, Hoffman und Campe; 1988: Berlin (DDR) ; 1988: Verlages Volk und Welt; 1989: Hamburg, Rowohlt.
O exército de um homem só, Die Ein Mann-Armee, alemão, 1987, Edition Weitbrecht.
A estranha nação de Rafael Mendes, Das Seltsame Volk des Rafael Mendes, alemão, 1989, Stuttgart; Wien, Edition Weitbrecht.
O centauro no jardim, De Centaur in de Tuin, holandês, 1994, Amsterdam, Wereldbibliotheck.
O centauro no jardim, El centauro en el jardin, espanhol, 1985: Madrid Editorial Swan; 1986: Barcelona, Circulo das Letras.
O exército de um homem só, El Ejercito de um Solo Hombre, espanhol, 1987, Buenos Aires, Contexto.
A estranha nação de Rafael Mendes, La Estrana Nación de Rafael Mendes, espanhol, 1988, Barcelona, Circe Ediciones.
O exército de um homem só, El Ejercito de un Hombre Solo, espanhol, 1988, Bogotá, Tercer Mundo.
O centauro no jardim, The Centaur in the Garden, inglês, 1985: New York, Available Press; 1988: New York, Ballantine Books.
Os deuses de Raquel, The Gods of Raquel, inglês, 1986: New York, Available Press; 1988: New York, Ballantine Books.
O carnaval dos animais, The Carnival of the Animals, inglês, 1986, New York, Available Press (Ballantine Books).
A balada do falso messias, The Ballad of the False Messiah, inglês, 1987, New York, Available Press (Ballantine Books).
A estranha nação de Rafael Mendes, The Strange Nation of Rafael Mendes, inglês, 1988, New York, Harmony Books.
Os voluntários, The Volunteers, inglês, 1988, New York, Available Press (Ballantine Books).
O olho enigmático, The Enigmatic Eye, inglês, 1989, New York, Available Press (Ballantine Books).
Max e os felinos, Max and the Cats, inglês, New York, Available Press (Ballantine Books).

Participação em antologias estrangeiras
Opowidanic brazylijskie, polonês. Krakow: Widawinctwo Literackie, 1977.
Brazil – an anthology of the Literary Review, inglês. New Jersey: Farleigh University, 1978.
Unsere Freunde die Diktatoren, alemão. Munchen: Verlag Autoren Edition, 1980.
Humor and Satire, búlgaro. Varno: Georgi Bakalov Publishing House, 1980.
Latin-amerika forteller, norueguês. Oslo: Den Norske Booklusen, 1980.
Zitrongras. Köln: Kiepenheuser & Witsch, 1982.
Diser Tag Voller Vulkane. Bremen: Verlay Atelier in Bauernhaus, 1983.
Nouvelles brésiliennes, francês. Montreal: Dérives, 1983.
A posse da terra. Lisboa: Imprensa Nacional, 1985.
Contes et chroniques d’expression portugaise, francês. Presses Pocket, 1986.
Ein neuer Name, ein Freundes fesicht. Darmstad: Lunchterhand, 1987.
Cuentos judios latino-americanos, espanhol. Buenos Aires: Raices, 1989.
Cuentos Brasileños Contemporáneos, espanhol. La Habana: Editorial Arte y Literatura, 1991.
Der Lauf der Sonne in den Germässigten Zonen, alemão. Berlin: Edition Dia, 1991.
Fallen die Perlen von Mond. München: Piper, 1992.
Nachdenken über Eine Reise Ohne Ende, alemão. Berlin: Babel Verlag, 1994.
Lire en Portugais (Contes), francês. Le Livre de Poche, 1994.
Brasilien Erzähl, alemão. Frankfurt am Main, Fischer, 1994.
Nueva Antología del Cuento Brasileño Contemporaneo, espanhol. Mexico: Unam, 1996.
Brésil Littéraire, francês. Paris: Liberté, 1996.
Contes de Noël Brésiliens, francês. Paris: Albin Michel, 1997.