ENCONTRO MARCADO    
VÍDEO    PERFIL    BIO    OBRA    EXCERTO    CRÍTICA 

JAGUAR

[ Rio de Janeiro: 1932 ] Um dos melhores e mais expressivos cartunistas do Brasil, e acima de tudo um carioca que faz de sua cidade uma das principais fontes de inspiração, seja através dos bares, das conversas nas ruas ou dos constantes "encontros etílicos" da intelectualidade boêmia de Ipanema, principalmente no início dos anos 60, período de efervescência cultural do bairro, quando foi um dos fundadores da famosa Banda de Ipanema.

Seu trabalho tem grande importância para a imprensa nacional, sobretudo pela criação de O Pasquim no final dos anos 60, jornal humorístico que se transformou num ponto de referência durante a luta contra a ditadura militar e influenciou a linguagem do jornalismo brasileiro, reunindo nomes importantes da vida cultural carioca e brasileira.

Considerado por ele próprio um "dinossauro do cartum", seu talento foi premiado em salões internacionais de humor e seus trabalhos foram publicados numa das mais prestigiadas revistas de artes gráficas do mundo, a Graphis. Jaguar costuma dizer que uma de suas características é ser um dos poucos cartunistas a fazer humor com personagens anônimos, com o cidadão comum do dia a dia da cidade, sem caricaturas.

Atualizado em 1999