ENCONTRO MARCADO    
VÍDEO    PERFIL    BIO    OBRA    CRÍTICA 
NORMA BENGELL

Ouça aqui: Eu sei que vou te amar, por Norma Bengell









Discografia
A lua de mel na lua / E se tens coração - Capitol/Odeon 78, 1958
Ooooooh! Norma - Capitol/Odeon, 1959
Meia noite em Copacabana, Dick Farney (participação nas faixas Você e Vou por aí) – Elenco, 1965
Norma canta mulheres – Phonogram, 1977
Groovy (faixa Feaver) - Sony Music, 2001

No teatro
Rio... De Janeiro a Janeiro, de Carlos Machado (1957)
Mister Samba, de Carlos Machado (1958)
Cordélia Brasil, de Antonio Bivar (1968)
La dispute de Pierre Marivaux (1744), dirigido por Patrice Chéreau (1973)
Les paravents, de Jean Genet, dirigido por Patrice Chéreau (1983)
O cemitério de automóveis, de Fernando Arrabal, dirigido por Victor Garcia, encenado em Portugal (1974)
Vestido de Noiva, de Nelson Rodrigues, (1976)
Fico nua (1978)
Vestido de noiva, de Nelson Rodrigues, versão Cia. Os Satyros (2008)

No cinema (como atriz)
Norma atuou em 62 filmes, sendo que 16 estrangeiros. O último foi um documentário: Vagas para moça de fino trato, de Paulo Thiago (1992). Entre os trabalhos, vale mencionar Rio Babilônia, dirigido por Neville de Almeida (1983), Assim era Atlântida, um documentário de Carlos Manga sobre as chanchadas do estúdio (1975), A casa assassinada, dirigido por Paulo Cesar Saraceni (1971), Os deuses e os mortos, dirigido por Ruy Guerra (1970), Edu, coraçao de ouro, de Domingos de Oliveira (1968), Noite Vazia, dirigido por Walter Hugo Khouri (1964) e Une vielle maitresse, com Jean Sorel (1975).

No cinema (como diretora)
Infinitamente Guiomar Novaes, 2005
Magda Tagliaferro - O mundo dentro de um piano, 2005
Eternamente Pagu, 1988 (indicado a melhor filme no Festival de Gramado)
O guarani, 1986

Na TV
Toma lá, dá cá, 2008/2009 (TV Globo)
Alta estação, 2006
Você decide, 1993 (TV Globo)
O sexo dos anjos, 1989
Partido alto, 1984
Parabéns pra você, 1983
Os imigrantes, 1981
Os adolescentes, 1981